Polícia Civil cumpre mandado de prisão de professor por estuprar três menores em Acará

A Polícia Civil do Pará, por meio de policiais civis da Divisão de Investigações e Operações Especiais (DIOE), prendeu, nesta terça-feira (12), o professor Roberto Corrêa Pantoja, conhecido como Beto, no município de Acará, nordeste paraense.

Ele está com mandado de prisão expedido pela Comarca de Abaetetuba, local onde ele teria violentado sexualmente três meninos, de idades entre 13 a 15 anos.

Os crimes ocorreram em 2002. O preso foi conduzido para a sede da DIOE, em Belém. 

Conforme o delegado Neyvaldo Silva, diretor da DIOE, o professor é concursado de Acará atualmente, mas, na época dos fatos, atuava como apresentador em um circo no município onde teria tido acesso às vítimas, conforme denúncias recebidas e apuradas pela equipe policial da região. O preso foi indiciado pelo crime de estupro de menores.